Comemoração do Centenário do Lions Clubs International - 240 milhões de pessoas beneficiadas
Pular para Conteúdo Principal
Lions 100 Lions 100
Pular para rodapé

Campanha SightFirst II

Campanha SightFirst II

section

História fundamental nº 19

No início da década de 1990, os Leões angariaram mais de US$ 140 milhões para ajudar a acabar com a cegueira evitável por meio do programa SightFirst.

Como resultado da enorme campanha de angariação de fundos, os Leões ajudaram a salvar a visão de milhões de pessoas ao longo da década seguinte através de subsídios e projetos relacionados, especialmente cirurgias de catarata e outros serviços oftalmológicos. Contudo, em 2002, havia ainda muito trabalho a fazer, e a Fundação de Lions Clubs International sabia que os fundos não durariam para sempre.

Como Lions poderia aproveitar o sucesso deste programa de tão longo alcance que mudou tantas vidas? Faria isto angariando ainda mais fundos por meio de uma segunda campanha. A meta: pelo menos US$ 150 milhões e uma meta expandida de US$ 200 milhões.

"As pessoas pensavam que fossemos loucos", disse o Ex-Presidente Internacional J. Frank Moore III.

Na Convenção de Lions Clubs International de 2005 em Hong Kong, o Dr. Tae-Sup Lee, presidente da campanha lançou a Campanha SightFirst II com um toque de gongo. Na Ásia, a tradição diz que cada batida no gongo reduz o sofrimento de uma alma. Os Leões esperavam salvar milhões de pessoas da cegueira evitável.

A Campanha SightFirst II tinha novos objetivos além das metas iniciais da SightFirst I, as quais incluíam eliminar o oncocercose na América Latina e controlar a sua propagação na África. A segunda campanha tinha os fundos e programas destinados às novas ameaças à visão: como o diabetes, glaucoma e cegueira infantil, que afetam todos os países, não apenas aqueles em desenvolvimento com pouco acesso a recursos. Os fundos de campanha seriam também utilizados para treinamento, exames de visão, óculos, clínicas oftalmológicas e pesquisa, bem como para programas de apoio aos cegos e deficientes visuais cuja visão não possa ser restaurada.

Com 30 doações principais, a Campanha SightFirst II estava em pleno andamento. Em todo o mundo, os Leões dedicaram inúmeras horas a angariação de fundos e conscientização. Os Leões da Alemanha venderam vinho. O Lions Clube Quito Equinoccial do Equador rifou um carro. Os Leões de Waterman, Illinois, nos EUA patrocinaram uma corrida de 5 quilômetros na cidade.

Os associados dedicaram bem mais do que tempo e energia à angariação de fundos. Fizeram também doações financeiras pessoais para a campanha, especialmente Lions no Japão e Coréia. Em um ano, os Leões angariaram US$ 60 milhões para a campanha. Em 2008, a campanha de angariação de fundos encerrou com Lions superando a meta expandida e alcançando US$ 205 milhões.

A SightFirst II está financiando uma ampla gama de projetos sustentáveis de alta qualidade ao redor do globo. Os Leões do Distrito 122 na República Checa receberam um subsídio de US$ 133.000 para apoiar cursos de formação no Centro de Educação Oftalmológico do Lions em Praga. Em Belize, um subsídio de US$ 130.000 está ajudando a expandir os exames e tratamento de doenças oculares associadas a diabetes. Os modelos sustentáveis de serviços, como treinamento e fornecimento de equipamentos, também continuam sendo um dos principais focos da contínua distribuição dos fundos da campanha.

O alcance do programa expandido está tornando a SightFirst mais relevante e disponível para os Leões de todos os países.

Quando os Leões se comprometem com um projeto como o da SightFirst, não há limites para o que possam realizar. “Os Leões respondem se você mostrar necessidade, se houver uma causa”, disse o PIP Moore. “Eles entendem perfeitamente o grande trabalho que fazemos e o impacto que temos”.

Dr. Tae-Sup Lee abriu oficialmente a Campanha SightFirst II com o soar do gongo na Convenção Internacional de Lions de 2005 em Hong Kong. Os recursos captados continuam ainda hoje a ajudar os deficientes visuais em todo o mundo.

Dr. Tae-Sup Lee abriu oficialmente a Campanha SightFirst II com o soar do gongo na Convenção Internacional de Lions de 2005 em Hong Kong. Os recursos captados continuam ainda hoje a ajudar os deficientes visuais em todo o mundo.

section

Pular para o Topo